TSE registra até o momento 23,7 mil candidatos às eleições deste ano


(foto: reprodução)

Treze candidatos a presidente, 177 candidatos a governador, 299 a senador, mais de 7 mil e 200 a deputado federal, mais de 15 mil a deputado estadual e 954 candidatos a deputado distrital. O total: 23 mil 795 candidatos em todo o país. Isso sem contar aqueles que vão concorrer à vice ou suplente.

E os números podem mudar, porque os Tribunais Regionais Eleitorais ainda estão enviando os dados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O PSL foi o partido que apresentou o maior número de concorrentes: mil 260; seguido do PSOL, com mil 202; do PT, com mil e 78; e do MDB, com mil e 12. Do total, 30,6% são mulheres, cumprindo a meta prevista na legislação.

Quando se analisa o grau de instrução e ocupação, os dados mostram que 49% dos candidatos têm curso superior completo e 10% são advogados, 6% são empresários e 19% têm outras profissões.

A maioria dos candidatos tem entre 45 e 49 anos e 55% são casados.

Uma curiosidade é que o total de candidatos este ano, por enquanto, é menor que o registrado nas últimas eleições gerais. Em 2014, foram 26 mil 162 concorrentes e, agora, estamos em 24 mil 569 (incluindo vices e suplentes). Os dados podem sofrer ajustes conforme a Justiça Eleitoral vá julgando os pedidos de registro. (pulsar)

*Informação da Radioagência Nacional

Faça um comentário

− 5 = 2