Trabalhadoras e trabalhadores do Brasil unidos pela democracia e pela liberdade de Lula


1º de Maio em Curitiba (PR) (foto: Mídia Ninja)

1º de Maio em Curitiba, Paraná (foto: Mídia Ninja)

No dia dos trabalhadores e trabalhadoras, as sete maiores centrais sindicais do Brasil organizaram ato unificado pela primeira vez na história desde a redemocratização do país. A Rede Lula Livre, iniciativa de rádio que envolve a Rádio Brasil de Fato, a Rádio Brasil Atual (98,9 FM de São Paulo), o Partido dos Trabalhadores (PT), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), a Central Única dos Trabalhadores (CUT), a Rede da Legalidade, o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e a Associação Mundial de Rádios Comunitárias (Amarc), realizou uma cobertura especial deste 1º de Maio.

Na Praça Santos Andrade de Curitiba, rebatizada de Praça da Democracia, lideranças sindicais, de movimentos sociais, artistas e candidatos à presidência do Brasil denunciaram retrocessos na democracia e exigiram a liberdade do ex-Presidente Lula da Silva.

A Amarc foi representada por Sofia Hammoe e Taís Ladeira na Rede Lula Livre. Confira a reportagem realizada pelas comunicadoras, com sonoplastia de Fabio Acm Morais, com versão em português e espanhol. (pulsar)

Audios:

  • Reportagem - Trabalhadoras e trabalhadores do Brasil unidos pela democracia e pela liberdade de Lula: Clique para baixar (5 MB)
  • Reportagem - Trabajadoras y trabajadores de Brasil unidos por la democracia y la libertad de Lula: Clique para baixar (4 MB)

Faça um comentário

7 + 2 =