São Paulo libera 2 mil e 400 ambulantes para a Copa


(foto: Robson Ventura)

(foto: Robson Ventura)

A prefeitura de São Paulo, por meio da SP Copa, agência pública que organiza a realização do Mundial da Fifa, intermediou acordo para permitir que até 2 mil e 400 ambulantes trabalhem durante as exibições de jogos na cidade. Atualmente, os mil e 800 ambulantes que já têm o Termo de Permissão de Uso, autorização para trabalhar em eventos públicos concedida pela prefeitura, poderão vender cerveja, água e refrigerante nas exibições extraoficiais de jogos da Copa em praças públicas. Outras 600 novas permissões temporárias serão distribuídas a ambulantes que poderão circular nos arredores da Arena Corinthians e na Fifa Fan Fest.

O acordo prevê que os ambulantes poderão vender apenas marcas dos patrocinadores do evento, mas os preços mais competitivos estão permitidos. Na mão do ambulante, as bebidas sairão por até metade do preço em comparação com os valores no interior do estádio. Além disso, os ambulantes cadastrados para a Copa terão direito a 30% de lucro sobre os produtos vendidos.

Os contratados serão indicados pelo Fórum dos Ambulantes, grupo de trabalhadores criado para cobrar a participação da categoria nos locais de maior aglomeração de pessoas na capital durante a realização da Copa do Mundo. Os trabalhadores receberão isopor padronizado, colete e treinamento. O ambulante precisa comprovar residência ou experiência como vendedor de rua na área da subprefeitura onde pretende trabalhar. (pulsar/rba)

Faça um comentário

− 7 = 1