Nesta segunda (10), Amarc Brasil lança livro sobre o futuro das rádios comunitárias


(arte: amarc brasil)

(arte: amarc brasil)

Nesta segunda-feira (10), a Associação Mundial de Rádios Comunitárias (Amarc Brasil) realiza o lançamento do livro ‘Rádios Comunitárias em Tempos Digitais’. A publicação, que teve o apoio da Fundação Ford,  reúne uma coletânea de artigos e entrevistas sobre temas que são desafios políticos e sociais para as rádios comunitárias. O evento será marcado por duas mesas de debate: “Os desafios da Comunicação Comunitária no século XXI” e “Rádios Comunitárias em Tempos Digitais”.

Para saber mais sobre o que esperar dos debates, a Pulsar Brasil conversou com Lígia Apel, representante da Rede de Mulheres da Amarc, e com Marcelo Saldanha, presidente do Instituto Bem Estar Brasil.

De acordo com Lígia Apel, que vai mediar a primeira mesa, “Os desafios da Comunicação Comunitária no século XXI”, o objetivo é introduzir o tema a partir de questões que vão além da tecnologia, para na segunda mesa entrar de fato no rádio digital.

Marcelo Saldanha assina o texto “Rádios Comunitárias – potenciais provedores de internet não comerciais” juntamente com Nils Brock, cooperante internacional da Amarc. Saldanha é um dos autores que estarão na mesa “Rádios Comunitárias em Tempos Digitais”. Ele vai levar para o debate a perspectiva da liberdade de expressão aliada à tecnologia.

O Seminário de lançamento do livro ‘Rádios Comunitárias em Tempos Digitais’ ocorre nesta segunda-feira (10), a partir das três e meia da tarde, na Escola de Serviço Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), localizada na Avenida Pasteur, 250, na Praia Vermelha. Para conhecer toda a programação do encontro clique aqui. (pulsar)

Audios:

Faça um comentário

+ 50 = 56