Greve dos professores do DF marcada para 15 de março


Manifestação dos professores. (foto: reprodução)

Manifestação dos professores. (foto: reprodução)

Professores da rede pública do DF decidiram por iniciar uma greve em 15 de março. Em assembleia nesta segunda, os professores ainda agendaram uma nova paralisação para o dia 8 de março.

As mobilizações no DF irão acompanhar a Greve Nacional da Educação, agendada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação em todo país.

Os professores do DF pedem um reajuste de 18 por cento no salário. Claudio Antunes, diretor do Sindicato dos Professores, afirma que a proposta de aumento é relativa ao Plano Distrital de Educação, que prevê a isonomia salarial entre professores e as demais carreiras de nível superior.

Os professores também protestam contra a reforma da Previdência encaminhada pelo governo federal, que prevê o fim da aposentadoria especial para a categoria, que entraria na idade mínima de 65 anos.

Em nota, o governo do DF afirma que está empenhado todos os esforços para encontrar uma proposta que evite prejuízos para a população. Em 2017 já foram realizadas cinco reuniões com o Sindicato dos Professores e o próximo encontro está marcado para quinta-feira. (pulsar)

*Informação Radioagência Nacional

Faça um comentário

20 − 16 =