Distrito Federal registrou 20 casos de feminicídio em agosto


(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

O Distrito Federal registrou 20 casos de feminicídio em agosto. Destes, 17 casos aconteceram dentro da casa da vítima ou do agressor.

Os dados são da Secretaria de Segurança Pública da capital federal.

De acordo com o secretário, Cristiano Sampaio, combater esse tipo de assassinato ainda é um desafio, pela dificuldade de ação da polícia nos locais em que costumam acontecer as agressões.

Sampaio acrescentou que é necessário investir em uma política que seja capaz de mudar a cultura da população em relação às mulheres.

O Distrito Federal também registou 59 casos de estupro em agosto, uma média de quase duas ocorrências por dia.

Vinte e nove casos foram registrados como estupro de vulnerável, quando as vítimas têm até 12 anos de idade. Em 90 por cento destas ocorrências existia algum tipo de vínculo entre a vítima e o agressor.

Pela primeira vez na série histórica, o Distrito Federal apresentou redução em todos os crimes violentos letais intencionais que envolvem ocorrências como assassinatos e roubos seguidos de morte.

As análises são realizadas a partir de comparativo entre os índices de agosto deste ano e o mesmo período do ano passado. (pulsar)

Informação da Radioagência Nacional

Faça um comentário

+ 49 = 55