image_preview (7)


Barragem de Fundão, operada pela Samarco, após dois anos da tragédia, em novembro de 2017 (foto: José Cruz/Agência Brasil)

Faça um comentário

4 + 2 =