Contra cortes na Reforma Agrária, MST ocupa Ministério da Fazenda por todo país


(foto: Mídia Ninja)

(foto: Mídia Ninja)

Na madrugada desta segunda feira (3), cerca de dois mil trabalhadores Sem Terra ocuparam o Ministério da Fazenda, em Brasília, contra o ajuste fiscal do governo no orçamento da Reforma Agrária.

Até o momento, os Ministérios da Fazenda de Porto Alegre, Recife, Fortaleza, Florianópolis, Curitiba, Palmas, Paraíba e Bahia também foram ocupados. No Mato Grosso, cerca de 400 camponeses marcham pela cidade de Jaciara. No Pará, dois mil trabalhadores rurais ocupam a ferrovia da Vale.

Em Minas Gerais, duas rodovias foram fechadas. No Paraná, os Sem Terra também estão mobilizados em cinco pedágios nos municípios do interior do estado. No domingo (2), cerca de 200 Sem Terra ocuparam a Fazenda Santo Henrique, pertencente à empresa Cutrale, em São Paulo.

Segundo Alexandre Conceição, da coordenação nacional do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), o Movimento volta a denunciar a paralisação da Reforma Agrária no país com a realização de uma segunda Jornada de Lutas contra o ajuste fiscal do governo, que cortou quase 50 por cento. De três bilhões e 500 milhões de reais sobraram menos de dois bilhões. (pulsar/página do mst)

Faça um comentário

20 + = 30