Agredido, Glenn Greenwald volta a criticar Augusto Nunes: “Coisa mais suja que eu vi”


(Foto: Vinicius Loures/Câmara dos Deputados)

Após sofrer violência física dentro dos estúdios da rádio Jovem Pan, o editor do site The Intercept, o estadunidense Glenn Greenwald, foi às redes sociais contar sua versão do episódio, que viralizou nesta quinta-feira (7). Durante uma discussão no programa Pânico, o jornalista foi agredido com socos por Augusto Nunes. Greenwald começou lembrando que Nunes fez comentários ofensivos à sua família, falando que os seus filhos não poderiam ficar com os pais e que algum juiz teria que tomar alguma providência.

“Foi a coisa mais feia e suja que eu vi em minha carreira. Todas as pessoas decentes sabem que não se usam filhos pequenos contra pessoas no debate político”, declarou Glenn. O jornalista britânico não sabia que o jornalista estaria no programa Pânico, onde foi chamado para dar entrevista. Na presença de Nunes, Greenwald o chamou de covarde e depois foi agredido com dois socos.

“Esse uso da força física e violência no debate político é uma coisa muito grave. Agora estamos vendo, e isso não deve surpreender ninguém, que o movimento do Bolsonaro, Olavo, PSL está aplaudindo”, acrescentou.

Em 1º de setembro deste ano, Nunes criticou Greenwald, que é casado com o deputado federal David Miranda (Psol-RJ), questionando o cuidado de seus filhos.

“O Glenn Greenwald passa o dia dando chiliques no Twitter, ou trabalhando de receptador de mensagens roubadas. Esse David fica em Brasília lidando com rachadinhas, que essa é a suspeita aí, que isso dá trabalho. Quem é que cuida das crianças que eles adotaram? Isso aí o juizado de menores devia investigar”, disse o jornalista na ocasião.

Greenwald lembrou do comentário de Nunes, nesta quinta, e este retrucou dizendo que fizera uma ironia. O estadunidense passou a chamar o jornalista da Jovem Pan de covarde, e este revidou com dois tapas e um soco. O programa saiu do ar por alguns minutos, e foi retomado com a presença de Greenwald e sem o agressor. (pulsar/revista fórum)

Faça um comentário

19 + = 20