Acordo entre professores e governo do estado e município do Rio de Janeiro pode encerrar a greve


Diálogo entre professores e governo acena para o fim da greve (foto: jaqueline deister - pulsar brasil)

Diálogo entre professores e governo acena para o fim da greve (foto: jaqueline deister – pulsar brasil)

O fim da greve dos professores do Rio de Janeiro pode estar próximo. Na última terça-feira (22) representantes dos profissionais da educação e do governo do estado e município firmaram um acordo de conciliação no Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar acabar com a paralisação.

No acordo, o governo do estado e a prefeitura carioca garantiram que não haverá corte de ponto ou qualquer penalidade aos professores grevistas, desde que eles voltem à atividade e reponham as aulas. O prazo para que isso ocorra é o primeiro dia útil após a assembleia.

O Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação (SEPE) informou em nota que o fim da greve será definido em assembleia. A decisão dos professores estaduais ocorrerá na quinta-feira (24) e dos municipais na sexta (25).

Em relação salário, a reivindicação estadual era um aumento de 28%. A categoria obteve, em 2013, 8% de aumento. No município, dos 19% pedidos, um pouco mais de 15% passam a valer a partir de novembro. Novos reajustes serão discutidos em 2014. (pulsar)

Um comentário

  1. Erlon says:

    Numa greve todos perdem. O texto a seguir relata bem o trauma disso para os estudantes.
    http://cutucandoaonca.blogspot.com.br/2013/10/professora-posso-ir-ao-banheiro.html

Faça um comentário

+ 82 = 85