Para pesquisadora, obras de mobilidade urbana para Copa não beneficiam maior parte da população


Para Ermínia Maricato obras mobilidade urbana da Copa não focam em transporte coletivo

Para Ermínia Maricato obras mobilidade urbana da Copa não focam em transporte coletivo (foto:reporterbrasil)

Para a professora e pesquisadora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (USP), Ermínia Maricato, a maior parte das obras de mobilidade urbana realizadas para a Copa de 2014 não são as mais importantes para a maior parte da população.

De acordo com Ermínia, o transporte público no Brasil vive um apagão desde os anos 80. Ela explica que por meio de um ideário neoliberal tivemos um recuo nos investimentos públicos nas principais políticas urbanas como saneamento, habitação e transporte coletivo.

A maior parte das viagens realizadas dentro das cidades se faz da casa ao trabalho por meio de transporte coletivo. No entanto, a maioria dos investimentos nas obras de mobilidade urbana não são direcionados a esse tipo de transporte, utilizado principalmente por trabalhadores. Ela ainda ressalta que a questão do transporte público só foi colocado em pauta a partir de junho deste ano, com as manifestações.

De acordo com o governo os investimentos públicos e privados em mobilidade urbana somam 8,9 bilhões de reais e tem “o objetivo de ampliar e modernizar a infraestrutura em regiões metropolitanas do País, para o benefício da população”.

Para Erminia Maricato, o principal legado que as obras de infra estrutura deixará aos brasileiros serão os elefantes brancos, como grandes estádios de futebol, a expeculação imobiliária e a expulsão de comunidades pobres do local onde habitam. (pulsar)

Audios:

  • Ermínia Maricato, professora da FAUUSP:

    Explica que as obras de mobilidade urbana não são direcionadas ao transporte coletivo

    Clique para baixar (798 KB)
  • Ermínia Maricato, professora da FAUUSP:

    Fala sobre os "legados" deixados pelos megaeventos esportivos no Brasil

    Clique para baixar (816 KB)

Faça um comentário

63 − 61 =