Mais um julgamento do caso do fotógrafo Sérgio Silva é marcado para esta quarta-feira


O fotógrafo Sérgio Silva (foto: reprodução facebook)

O fotógrafo Sérgio Silva (foto: reprodução facebook)

A Justiça paulista marcou para esta quarta-feira (29), às nove e meia da manha uma nova audiência que julgará o recurso movido pela defesa do fotógrafo Sérgio Silva, que contesta decisão dada em primeira instância em uma ação judicial impetrada por ele no qual reivindica que o Governo de São Paulo seja apontado como responsável pela perda parcial de sua visão. O julgamento será realizado na nona Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).

A última audiência seria realizada em 27 de setembro, mas foi adiada a pedido desembargador-relator do caso.

Sérgio Silva tornou-se um símbolo da violência policial em manifestações. Ele estava cobrindo uma dos inúmeros protestos daquelas “jornadas de junho” de 2013, em São Paulo, quando foi atingido por uma bala de borracha disparada por um policial militar. Em decorrência do ferimento, Sérgio Perdeu o olho esquerdo.

Em 10 de agosto do ano passado, em uma primeira audiência, o juiz Olavo Zampol Junior indeferiu o pedido e responsabilizou o fotógrafo pela perda do próprio olho.

Com o adiamento do julgamento em segunda instância, Sérgio segue esperando justiça. (pulsar/revista fórum)

Faça um comentário

8 + 1 =