Associação de Transportes Urbanos alerta que aumento do diesel pode elevar tarifas de ônibus


(foto: reprodução)

(foto: reprodução)

A Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU) soltou nota onde alerta que os reajustes sucessivos no preço do diesel pode levar a aumentos emergenciais de passagens de ônibus urbanos. O diesel, de acordo com a nota, teve um reajuste médio de 11 por cento de janeiro a maio deste ano, onze vezes acima da inflação do período, o que já causou um prejuízo de R$ 1 bilhão de reais para o setor de transporte público (ônibus urbano).

A NTU já solicitou audiência na Secretaria de Política Econômica do Ministério da Fazenda para tratar do assunto. De acordo com a associação, todas as empresas estão com dificuldade de comprar o combustível. “Somos um setor regulado, com reajustes anuais nos contratos, e agora, temos que arcar com os custos desses aumentos, que têm sido diários”, esclarece Otávio Cunha, presidente executivo da NTU.

O diesel tem impacto de 23 por cento nos custos do setor. Na audiência com o governo, a NTU vai propor que o setor tenha um tratamento diferenciado na política de preços de reajustes de combustíveis para evitar aumento nas passagens, que considera o caminho menos indicado para solucionar o impasse.

Segundo dados da Petrobras, nos últimos 45 dias, de 4 de abril a 18 de maio, houve aumento de 25,42 por cento do diesel nas refinarias. “Esse índice indica que os preços estão represados e em breve serão repassados ao consumidor”, esclarece, prevendo novos aumentos. Cunha também questiona a política de preços para o transporte público, que presta serviço de natureza essencial. “As empresas não têm como arcar com esses custos, diante do cenário de crise que o país enfrenta e do alto índice de endividamento do setor de ônibus urbano. Pesquisa realizada com as empresas de ônibus urbano, revela que 33 por cento das mil e 800 empresas do setor estão endividadas. (pulsar/revista fórum)

Faça um comentário

+ 66 = 75