Novo aplicativo reúne rádios livres e comunitárias do mundo todo


Aplicativo RadCom

Aplicativo RadCom

Para facilitar o acesso à comunicação comunitária, foi lançado esta semana o aplicativo RadCom. São 63 rádios livres e comunitárias de 17 países diferentes, todas integrantes de redes como Associação Mundial de Rádios Comunitárias (AMARC), Projeto Dissonante, Rizoma de Rádios Livres e Projeto Orelha.

O RadCom foi desenvolvido na periferia do Rio de Janeiro pelo jornalista Arthur William durante as oficinas do projeto Rebaixada, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. A iniciativa  investiga e experimenta o uso de novas tecnologias nas manifestações contra os megaeventos.

O aplicativo está disponível em versões para iOS, Android e web, e pode ser baixado no site rebaixada.org/radcom. Para realizar uma busca, o RadCom permite escolher as emissoras por país ou cidade.

De acordo com Arthur, existem outros aplicativos de rádio para smartphones, mas é difícil filtrar as emissoras comunitárias. O criador do RadCom lembra que ao contrário das rádios comerciais, as rádios livres e comunitárias mostram as culturas locais, com seus sotaques e vozes da própria comunidade.

No site do projeto as rádios livres e comunitárias de todas as partes do mundo podem preencher o formulário e também fazer parte do aplicativo. (pulsar)

Faça um comentário

51 − = 50