Estudo revela benefício do uso terapêutico da maconha para recuperação de ossos quebrados


(foto: reprodução)

(foto: reprodução)

Em meio ao debate existente em muitos países para que seja liberado o uso terapêutico da maconha, cientistas israelenses descobriram mais um efeito positivo de um dos compostos presentes na droga. Em artigo científico publicado nesta semana, os pesquisadores revelam que o cannabidiol ou CBD pode ajudar na recuperação de ossos quebrados, como demostram os testes realizados em ratos

O estudo, realizado pelos pesquisadores Yankel Gabet, do Laboratório de Pesquisa de Ossos da Universidade de Tel Aviv, e pelo professor Itai Bab, do Laboratório de Ossos da Universidade de Hebreu — foi publicado no Journal of Bone and Mineral Research.

Isolado de outros componentes da cannabis que afetam a mente, o composto em questão – no caso o canabidiol, ou CBD – contribuiu consideravelmente para que ratos com o fêmur quebrado apresentassem cicatrização após apenas oito semanas. Para efeito comparativo, o processo no mesmo osso de um adulto pode levar até cinco meses.

Além disso, o estudo revela também que o componente ajuda na mineralização dos ossos e poderá ser utilizado em pesquisas futuras para prevenir a osteoporose, abrindo caminho assim para novos medicamentos. (pulsar/opera mundi)

Faça um comentário

38 − 33 =