Ato homenageia Marielle Franco e Anderson Gomes com luzes e velas


Velas nas escadarias da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, onde Marielle foi vereadora durante 1 ano e 3 meses. (foto: página Marielle Franco)

Velas nas escadarias da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, onde Marielle foi vereadora durante 1 ano e 3 meses. (foto: página Marielle Franco)

Milhares de pessoas acenderam luzes e velas, nessa segunda-feira (2), em memória da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, assassinados no último dia 14 de março. O crime ainda está sem solução.

O ato Luzes para Marielle e Anderson foi convocado pelo Psol do Rio de Janeiro pelas redes sociais. A homenagem mobilizou pessoas de várias partes do país e do mundo.

Vários pontos da cidade do Rio foram iluminados. As escadarias da Alerj e da Câmara de Vereadores, onde Marielle trabalhou, foram iluminadas com milhares de velas. As manifestações também cobraram a investigação dos crimes.

Cartazes perguntavam “quem matou Marielle e Anderson?”. Em alguns locais foram montados varais com fotos dos dois.  A página do evento no Facebook ficou lotada de postagens com fotos de velas acesas em várias cidades do Brasil e do exterior.

Milhares de pessoas acenderam luzes e velas, na última segunda-feira (2), em memória da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, assassinados no último dia 14 de março. O crime ainda está sem solução.

O músico Iuri Romão, que participou do ato no Largo do Machado, na zona sul do Rio de Janeiro, destacou a representatividade de Marielle e disse que o ato também é de cobrança.

Para a jornalista Sheila Kaplan, as velas simbolizam também outras tantas mortes ocorridas no país de forma violenta.

Marielle e Anderson foram assassinados depois que a vereadora participou de evento sobre o empoderamento de mulheres negras, na Lapa, região central do Rio.

A investigação, pela divisão de homicídios da capital, está sob sigilo. Recentemente, o secretário de estado de Segurança, general Richard Nunes, afirmou que o assassinato tem indícios de ligação com a atuação política da parlamentar. (pulsar)

*Informação da Radioagência Nacional

Faça um comentário

61 − = 51